tumblr da Ana



 
Fica, eu digo. Me ajuda a matar o tempo até a luz voltar. Fica e come da minha comida. Pelo menos até a chuva acabar de cair. Deu agora na televisão que a cidade está debaixo d’água, mandaram ninguém se mexer. Consegue? Tenta, vai. Empresto uma toalha, uma camiseta G, um par de meias e a minha boca quente. Você já bateu recorde de permanência, de toda maneira. Vamos lá, fica, na minha geladeira tem o resto de um frango de padaria, a gente abre um vinho bom. Juro fazer rolinhos na sua franja até você pegar no sono. Aí você gasta um de seus preciosos sins e deixa pra depois mais um daqueles seus adeus, que, aliás, tem de sobra na sua bolsa de pano, sempre à mão, para casos de emergência. E eu me pergunto: você vai ficar porque está chovendo, ou está chovendo porque você vai ficar? Tanto faz. Gabito Nunes.  (via vivificare)

(Source: enflorescer, via frasesmalfeitas)

Só queria que Deus, ou meus pais, ou minha irmã, ou alguém, me dissesse o que há de errado comigo. Que me dissesse como ser diferente de uma forma que faça sentido. Que fizesse tudo isso passar. E desaparecer. Sei que é errado, porque a responsabilidade é minha, e sei que as coisas pioram antes de melhorar porque é o que diz meu psiquiatra, mas essa fase pior esta grande demais para mim. As vantagens de ser invisível.  (via capacitaria)

(Source: tipografado, via jealousymodeon)

Você tem um jeito de falar meu nome, um jeito que faz parecer que é uma canção, que simplesmente é algo maravilhoso e que realmente deve ser repetido assim, com a frequência que você repete todos os dias, com a sua doçura.

(Source: umagarotaperdida, via reencantar)

lovingmalemodels:

Stephen James at Philipp Plein Backstage

Tudo o que eu preciso é de uma chance, de alguns instantes.

Acorda, os anos estão passando, as coisas mudam e eu também. Não estarei aqui para sempre, então acorde, acorde enquanto há tempo, venha me fazer feliz. Vou te mostrar que estando ao meu lado não precisa de mais nada. Talvez um dia você pare para pensar em nós, mas cuide, pode ser tarde demais.

Sim, eu ainda insisto em nós!